Carlos Nelson Coutinho

Autor

Carlos Nelson Coutinho foi um dos cientistas políticos marxistas mais reconhecidos do Brasil. Nascido em Itabuna, na Bahia, é conhecido no Brasil e no exterior como um dos maiores especialistas na obra de Antonio Gramsci, foi responsável pela edição brasileira dos Cadernos do cárcere (Civilização Brasileira, 1999-2002). Foi professor titular de Teoria Política na Escola de Serviço Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro (ESS–UFRJ). É autor de vários livros, entre os quais: Gramsci. Um estudo sobre seu pensamento político (Civilização Brasileira, 3. ed., 2007), Contra a corrente: ensaios sobre democracia e socialismo (Cortez, 2. ed., 2008) e O estruturalismo e a miséria da razão (Expressão Popular, 2. ed., 2010). 

Em 29 de junho de 2012 recebeu o título de professor emérito da Escola de Serviço Social da UFRJ. Faleceu meses depois, aos 69 anos, em sua casa, no bairro de Cosme Velho, no Rio de Janeiro, em consequência de um câncer de pulmão, diagnosticado em fevereiro do mesmo ano.