José Arthur Giannotti

Autor

Professor emérito da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, onde ingressou como aluno em 1950. Estudou na França entre 1956 e 1958 sob Goldschmidt, Guéroult, Merlau-Ponty e Vuillemin. Sua tese de livre-docência pela USP em 1965 é "Alienação do trabalho objetivo", orientada por João Cruz Costa. Destacou-se como conhecedor respeitado do pensamento de Karl Marx, mas sempre manteve distância ideológica de seus colegas de esquerda que, como Marilena Chaui, Francisco de Oliveira e Paul Singer, foram participar do Partido dos Trabalhadores. Seus estudos sobre Marx datam de fins dos anos cinquenta, época em que teve início na USP um seminário de leitura d'O Capital que reunia jovens historiadores, economistas, cientistas sociais, críticos literários e filósofos. Participaram do "Seminário Marx", junto com Giannotti, Fernando Novais, Octavio Ianni, Paul Singer, Ruth e Fernando Henrique Cardoso, Francisco Weffort, Roberto Schwarz e Bento Prado Jr.