Legado de Marx

01.08.2011

Revista Filosofia
Da redação

Passados 160 anos de sua publicação originak, este livro dedicado à história do golpe de Estado de 1951 ainda desperta muito interesse. Aqui, Marx faz uma análise sobre o processo que levou da Revolução de 1848 para o golpe de Estado de 1851 na França. O autor também deixa claro seus ideais a respeito da teoria de Estado, além de seu legado que serve de modelo às gerações futuras de jovens revolucionários e contestadores. Neste livro, ele semeia indicações acerca da relação da classe operária com camponeses, e a necessidade de uma direção politicamente capaz de assumir as tarefas da Revolução Social.