Os melhores livros de 2013

27.12.2013

O Globo | Cultura
Guilherme Freitas, José Castello, Leonardo Cazes, Mànya Millen e Maurício Meirelles

O ano foi marcado pelo sucesso de vendas da poesia de Paulo Leminski, de volta às livrarias após anos fora de catálogo. A ficção nacional teve entre seus destaques Veronica Stigger, Adriana Lisboa e a estreia da atriz Fernanda Torres na literatura. E um ensaio do filósofo Marcos Nobre alimentou debates sobre a política brasileira e a onda de protestos. 

1. Amanhã não tem ninguém
Flávio Izhaki

2. Deixa comigo
Mario Levrero

3. O drible
Sérgio Rodrigues

4. Fim
Fernanda Torres

5. Hanói
Adriana Lisboa

6. O homem que amava os amava os cachorros
Leonardo Padura

Um dos principais autores cubanos de sua geração, e que ao contrário de muitos deles ainda vive em seu país, Leonardo Padura reconta neste romance, traduzido por Helena Pitta, a morte de Trotski no exílio mexicano, lançando um olhar empático sobre o líder comunista que em Cuba ainda é visto como “traidor da revolução”.

Gênero: Ficção | Editora: Boitempo

7. Opisanie Swiata
Veronica Stigger

8. O problema da habitação
Ruy Belo

9. Toda poesia
Paulo Leminski

10. Ximerix
Zuca Sardan

11. História das Livrarias cariocas
Ubiratan Machado

12. Holocausto brasileiro
Daniela Arbex

13. Imobilismo em movimento
Marcos Nobre

14. O mundo insone
Stefan Zweig

15. A Rosa o que é de Rosa
Benedito Nunes

OS MELHORES LIVROS EM 2013 FORAM ESCOLHIDOS POR GUILHERME FREITAS, JOSÉ CASTELLO, LEONARDO CAZES, MÀNYA MILLEN E MAURÍCIO MEIRELES