O homem que amava os cachorros

11.03.2014

Sopa de Letras | Caderno 3 | Diário do Nordeste
da Redação

Equilibrando-se entre a ficção e o relato historiográfico, o romance do cubano Leonardo Padura foi traduzido para países como Espanha, Cuba, Argentina, Portugal, França, Inglaterra e Alemanha. Sua trama, reconstitui os últimos anos da vida do revolucionário russo Leon Trotski, seu assassinato em seu exílio no México e a história de seu algoz, o catalão Ramón Mercader, voluntário das Brigadas Internacionais da Guerra Civil Espanhola e encarregado de executá-lo pelo governo soviético. O narrador, um veterinário aspirante a escritor, encontra um amante de cães que foi testemunha de boa parte destes episódios.