Feminismo e política

26.02.2016

Estadão | Babel
Maria Fernanda Rodrigues

Em contribuição ao debate e à luta das mulheres por direitos iguais, a Boitempo intensifica a publicação de títulos que fortaleçam a base teórica do movimento, com títulos como Feminismo e política (2014) e Mulher, Estado e revolução (2014). Para este ano a editora prepara, pelo selo Boitatá, o lançamento de um livro infantil sobre gênero, chamado As mulheres e os homens; o clássico Reivindicação dos direitos da mulher, de Mary Wollstonecraft, publicado originalmente no final do século XVIII, extremamente revolucionário para a época e um dos documentos fundadores do feminismo; e a coletânea Trabalhar no Brasil e na França: perspectivas interseccionais, sobre a desigualdade de gênero no mundo do trabalho, organizada pelas sociólogas Alice Rangel de Paiva Abreu, Helena Hirata (autora de Nova divisão sexual do trabalho? (2002), livro de repercussão mundial e que aborda a transversalidades entre trabalho, classe e gênero) e Maria Rosa Lombardi.