Margem Esquerda n.8

Dossiê: Violência urbana

Boaventura de Sousa Santos,István Mészáros,Loïc Wacquant,Michael Löwy,Michel Pialoux eStéphane Beaud

Revista Margem Esquerda Coleção Promoção Aniversário de São Paulo - Repensando a cidade!

R$ 30,00

Nesta edição de Margem Esquerda, o dossiê temático, coordenado pelo filósofo Paulo Arantes, trata da violência urbana. Loïc Wacquant e Maria Orlanda Pinassi, entre outros autores, analisam as várias facetas do tema. Na periferia das grandes metrópoles, cresce a quantidade de crianças e jovens órfãos da urbanização, vítimas da violência e da marginalidade. Verdadeiros “excedentes” humanos, são alvos fáceis e permanentes do crime, que se torna parte estruturante da reprodução do capital.

Os artigos mostram como a utopia do progresso e do bem-estar transformou-se em seu oposto: proliferam os espaços de insegurança, de violência, de contaminação, de miséria. As relações entre a criminalidade e o modelo social existente, no qual os ricos se protegem – cercam sua casas e blindam seus carros – por iniciativas próprias. Privatiza-se até o sistema prisional – para que reprima mais eficientemente –, como adverte Laurindo Dias Minhoto.

A revista traz também artigos de Michael Löwy, sobre o papel das cidades na luta de classes; István Mészáros, em texto inédito sobre Hugo Chávez; Heloísa Fernandes comentando o trabalho de seu pai, Florestan, particularmente o livro A revolução burguesa no Brasil; o argentino Juan Chingo fazendo um balanço da presidência de George W. Bush, e Márcia Tosta Dias analisando a crise da indústria fonográfica e sua atuação no bloqueio ao acesso de novas tecnologias.

Há também o abaixo-assinado “Manifesto contra a resolução 1481 do Conselho da Europa”, escrito por historiadores, que protesta contra o revisionismo histórico e ingerência acadêmica contidos nesta resolução da União Europeia, que decide, de forma unilateral e burocrática, “uniformizar” uma definição parcial da história da União Soviética e dos países da sua esfera de influência até 1989.

Na seção de textos clássicos, é recuperado “Cinco maneiras de dizer a verdade”, do dramaturgo Bertolt Brecht. Um texto político escrito para circular clandestinamente e combater o regime nazista na Alemanha.

A entrevista deste número é com o sociólogo português Boaventura de Souza Santos, que fala sobre seu trabalho e a relação entre produção teórica e militância política, contando passagens curiosas de sua formação, como suas estadas em Berlim Ocidental e na favela do Jacarezinho, no Rio de Janeiro; o momento das lutas; a importância dos Fóruns e sua ideia de uma Universidade Popular dos Movimentos Sociais.

A revista também publica a poesia do jornalista e tradutor Paulo Neves da Silva “Nós, estrangeiros”, além da seção de resenhas, onde analisa lançamentos como Sobre o suicídio, de Karl Marx, e Trabalho e trabalhadores do calçado, de Vera Navarro.

Sumário da edição

Apresentação

Entrevista
Boaventura de Sousa Santos
por Emir Sader e Pablo Gentili

Dossiê: Violência urbana
West Side story: um bairro de alta insegurança em Chicago
Loïc Wacquant

Regressão penal
Laurindo Dias Minhoto

A questão criminal no Brasil contemporâneo
Vera Malaguti Batista

No mundo do capital, a ocasião faz o ladrão
Maria Orlanda Pinassi

O Estado e o PCC: combate às cegas
Guaracy Mingardi

Prisões brasileiras e colombianas na mesma margem
José de Jesus Filho

Artigos
A cidade, lugar estratégico do enfrentamento das classes
Michael Löwy

Bolívar e Chávez: o espírito da determinação radical
István Mészáros

Anti-realismo e absolutas crenças relativas
Mario Duayer

Por que a esquerda francesa perdeu as classes populares?
Stéphane Beaud e Michel Pialoux

Os Estados Unidos aceleraram sua decadência: um balanço provisório da Presidência de Bush
Juan Chingo

Globalização: novo horizonte do capitalismo
Michel Husson

Capitalismo selvagem, dominação autocrático-burguesa e revolução dentro da ordem
Heloísa Fernandes

A grande indústria fonográfica em xeque
Márcia Tosta Dias

Clássico
Cinco maneiras de dizer a verdade
Bertolt Brecht

Documento
Manifesto contra a resolução 1481 do Conselho da Europa

Resenhas
Exemplo de ousadia em macroanálise
Geraldo Augusto Pinto

Marx e a ontologia do suicídio
Ricardo Antunes

Desfetichizando sapatos
Giovanni Alves

Nota de leitura
O trabalho duplicado: a divisão sexual no trabalho e na reprodução
Maria Lygia Quartim de Moraes

Poesia
Nós, estrangeiros
Paulo Neves da Silva