• Minhas compras
  • Entrar

Mudamos nossa loja virtual para melhor atendê-lo. Se você já é cliente, utilize a funcionalidade de "Esqueci minha senha" para atualizar seu acesso e fazer o login.

Minhas Compras

Não há produtos no carrinho.

  • China Miéville
    China Miéville autor

    China Tom Miéville é um escritor, acadêmico e quadrinista inglês. Premiado escritor da chamada 'weird fiction', China também é professor da Univerdidade de Warwick, com PhD em marxismo e direito. Militante de esquerda, membro da International Socialist Organization, foi um dos fundadores do Left Unity.  Em 2014, o autor fechou um acordo com a Boitempo que garante a publicação de todos os seus romances no Brasil.  O premiado thriller existencial A cidade & a cidade (2009) foi o primeiro título lançado pela editora. O livro arrebatou a crítica internacional, que chegou a compará-lo com Kafka, George Orwell e Phillip K. Dick. Em 2016, será a vez de Estação perdido, romance que revolucionou a ficção científica e mudou as regras do gênero. O livro é o primeiro de uma série que inclui ainda The scar (2002) e Iron council (2004), com histórias de piratas e faroeste ambientadas no mundo de Bas-Lag.  China Miéville chama a atenção no universo literário por seu perfil atípico: seu visual contrasta com a bagagem acadêmica e intelectual de marxista - o que não o impediu de ser um dos fundadores de um partido inglês da esquerda (Left Unity), nem de se formar em Antropologia Social pela Universidade de Cambridge, com Mestrado e Doutorado em Filosofia do Direito Internacional pela London School of Economics. Hoje ele é professor de escrita criativa na Warwick University.   Considerado um escritor genial, unanimidade entre os fãs de ficção científica, cultuado e reconhecido no mundo inteiro como a cara da nova weird fiction (gênero historicamente atribuído a H.P. Lovecraft e E.T.A. Hoffman, dentre outros), já foi duplamente contemplado pelo British Fantasy Award, recebeu três vezes o Arthur C. Clarke Award e é equiparado, em sucesso de público e crítica, a Neil Gaiman, Nick Hornby e Will Self.

triangulo
  • Margem Esquerda n°23 Dossiê: Brasil, que desenvolvimento?
    R$ 30,00

    Brasil, crescimento ou estagnação? Desenvolvimento ou desindustrialização? Em ano de eleições, polarizadas como poucas vezes se viu, a edição 23 da revista Margem Esquerda se propõe a discutir o presente e o futuro de nosso país. “Onda conservadora” de um lado – representada pela figura do tucano Aécio Neves – e a resistência democrática de outro, formada em torno da petista Dilma Rousseff, colocam em pauta diferentes projetos ou distintas nuances para o Brasil. Quais as causas e quais as extensões das turbulências que acometem a economia nos dias que correm? O dossiê “Brasil, que desenvolvimento?”, centrado no principal embate te&oac ...

    Ano de publicação 2014.

  • R$ 49,00

    Quando o corpo de uma mulher assassinada é encontrado na decadente cidade de Beszel, em algum lugar nos confins da Europa, parece apenas mais um caso trivial para o Inspetor Tyador Borlú, do Esquadrão de Crimes Extremos. Mas, à medida que avança a investigação, as evidências começam a apontar para conspirações muito mais estranhas e mortais do que ele poderia supor. Logo seu trabalho o coloca, e aqueles ao seu redor, em perigo e Borlú deve viajar à única metrópole na Terra tão estranha quanto a sua, por meio de uma fronteira sem igual.  Em uma envolvente e premiada narrativa, híbrido de thriller policial e ficção científica, aos poucos ...

    Ano de publicação 2014.

  • R$ 89,00

    “Com seu novo romance, o colossal, intricado e visceral Estação Perdido, Miéville se desloca sem esforço entre aqueles que usam as ferramentas e armas do fantástico para definir e criar a ficção do século que está por vir”, diz Neil Gaiman O aclamado romance que consagrou o escritor inglês China Miéville como um dos maiores nomes da fantasia e da ficção científica contemporânea. Miéville escreve fantasia, mas suas histórias passam longe de contos de fadas. Em Estação Perdido, primeiro livro de uma trilogia que lhe rendeu prêmios como o British Fantasy (2000) e o Arthur C. Clarke (2001), o leitor é levado para ...

    Ano de publicação 2016.

  • R$ 30,10

    Obra de referência e maior marco do direito pela perspectiva marxista, traduzida diretamente do russo e publicada em edição especial com textos complementáres inéditos de Antonio Negri, Umberto Cerroni, China Miéville, Karl Korsch, John Hazard, Carlos Rivera-Lugo e Jean-Marie Vincent. O livro Teoria geral do direito e marxismo, do jurista Evguiéni Pachukanis, despontou como a mais importante reflexão sobre o direito no campo do marxismo. A princípio, a obra não foi pensada como um manual marxista para a teoria do direito, mas como “uma tentativa de aproximação da forma do direito e da forma da mercadoria”, como afirmou o jurista e bolchevique Piotr Stutchka após a leitura ...

    Ano de publicação 2017.

  • Outubro história da Revolução Russa
    R$ 59,00

    Em fevereiro de 1917, a Rússia era uma monarquia atrasada e autocrática chafurdada em uma guerra impopular. Em outubro, depois não apenas de uma, mas de duas revoluções, ela havia se tornado o primeiro Estado de trabalhadores do mundo, empenhando-se para estar na vanguarda da revolução global. Como se deu essa transformação inimaginável? Fazendo um giro panorâmico que nos leva de São Petersburgo e Moscou às vilas mais remotas de um império que se alastrava, Miéville revela as catástrofes, intrigas e inspirações de 1917, em toda sua paixão, drama e estranheza. O autor intervém com maestria em debates historiográficos de longa data, mas s ...

    Ano de publicação 2017.