• Minhas compras
  • Entrar
  • Márcio Bilharinho Naves
    Márcio Bilharinho Naves autor

    Márcio Bilharinho Naves nasceu em Uberaba (MG) em 1952. Bacharel em direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, doutorou-se em filosofia na Universidade Estadual de Campinas. É autor do livro Marx: ciência e revolução (Moderna/Editora da Unicamp, 2000) e professor do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas.

triangulo
  • Margem Esquerda 06 Dossiê: A Ofensiva conservadora
    R$ 30,00

    Na sua sexta edição, a revista Margem Esquerda traz um dossiê sobre conservadorismo e medo na sociedade contemporânea. Do projeto dos neoconservadores norte-americanos ao medo na mídia, nas artes e na cultura, Flávio Aguiar, Otília Arantes, Argemiro Ferreira e Luis Antonio Magalhães analisam a contra-ofensiva reacionária das últimas décadas. Outro destaque desta edição é uma homenagem a Florestan Fernandes, nos dez anos de sua morte, com textos de Sedi Hirano e Miriam Limoeiro Cardoso. Entre os artigos, um inédito de Raymond Williams, João Reis da Silva Jr. analisando a política econômica do governo Lula, e uma extensa pesquisa de Vinicius Dantas sobre ...

    Ano de publicação 2005.

  • Marxismo e direito um estudo sobre Pachukanis
    R$ 42,00

    Em Marxismo e direito: um estudo sobre Pachukanis, Márcio Bilharinho Naves faz uma análise das questões levantadas pelo importante jurista soviético Evgeni Pachukanis (1891-1937). Em um texto claro e revelador, situa as ideias do jurista no interior do debate teórico e político no período que vai de 1920 ao final dos anos 1930, na União Soviética.Pachukanis foi a grande expressão no campo do direito soviético. Nos anos 1920, já revelava o estreito vínculo entre a forma mercantil e a forma jurídica, afirmando a natureza irremediavelmente burguesa do direito. Bloqueando todas as vias de acesso ao reformismo jurídico, Pachukanis sustenta a impossibilidade teórica de um direito 'socialista' e recupera, desse modo, toda a radicalidade da crítica empreendida por Marx e ...

    Ano de publicação 2000.

  • R$ 26,00

    Planejado por Friedrich Engels e Karl Kautsky, o artigo 'O socialismo jurídico' foi publicado sem assinatura na revista da social-democracia alemã, Neue Zeit, em 1887. O objetivo era dar uma resposta aos ataques à teoria econômica de Karl Marx, assim como elaborar uma crítica ao reformismo jurídico e combater a sua influência no movimento operário.'À época da escrita deste livro, os reformistas, em combate às idéias revolucionárias de Marx, apontavam para uma transição controlada, objetivando ganhos por meio do aumento de direitos, sem transformar plenamente as contradições da exploração capitalista', afirma na orelha do livro o professor da Faculdade de Direito da USP, Alysson Leandro Mascaro, para quem O socialismo jurídico é uma das obras clássicas do mar ...

    Ano de publicação 2012.