• Minhas compras
  • Entrar

Mudamos nossa loja virtual para melhor atendê-lo. Se você já é cliente, utilize a funcionalidade de "Esqueci minha senha" para atualizar seu acesso e fazer o login.

Minhas Compras

Não há produtos no carrinho.

  • John Holloway
    John Holloway autor

    John Holloway é professor do Instituto de Ciências Sociais e Humanidades da Universidade Autônoma de Puebla, no México. É autor de muitos livros, entre eles In and Against the State, State and Capital (con Sol Picciotto), Zapatista! Reinventing Revolution in Mexico (con Eloína Peláez), La Rosa Roja de Nissan e Marxismo, Estado y Capital. Seu livro Mudar o mundo sem tomar o poder, publicado em 2002, na Inglaterra, já foi traduzido na Espanha, Argentina, Coréia, Alemanha, Turquia, Itália e Brasil.

triangulo
  • Margem Esquerda n°04 Dossiê: Partido Político
    R$ 30,00

    No momento em que intelectuais discutem voto nulo, resistência dentro e fora do Partido dos Trabalhadores e alternativas de esquerda a esse partido (como PSOL e PSTU), a revista Margem Esquerda traz em seu quarto número um dossiê com seis ensaios que discutem o lugar da representação política e o papel dos partidos no mundo atual. Estariam superados por organizações não governamentais, estruturas horizontais em rede e/ou movimentos sociais? Ou manteriam sua pertinência, apesar de seu fracasso e deslegitimação em vários países? O debate aborda da teoria leninista de organização ao desafio de construir um novo partido, passando pela concepção de Rosa Luxembu ...

    Ano de publicação 2004.

  • Mudar o mundo sem tomar o poder o significado da revolução hoje
    R$ 49,00

    "Que sonho! Que belo sonho! Vamos imaginar: um mundo sem políticos, sem capitalistas, sem Estado, sem capital, um mundo sem poder. Um sonho inocente e pouco realista, é verdade.Este livro é parte da luta pelo absurdo que não é absurdo, pelo impossível que é tão urgente! " Quando a esperança vencer o medo, definitiva e inequivocamente, o “grito de rebeldia” – nos campos e nas cidades, nas florestas e nas minas, nos assentamentos e nas fábricas, nas favelas e nas universidades – se fará tão forte que o mundo dos poderes imperiais e dos poderes patriarcais, das burocracias e dos capitalistas, não poderá mais se sustentar. Mais do que uma esperanç ...

    Ano de publicação 2003.