• Marilena Chaui
    Marilena Chaui autor

    É professora de Filosofia na Universidade de São Paulo (USP) e autora, entre outros livros, de Iniciação à filosofia (Ática, 2012) e Cidadania cultural (Perseu Abramo, 2006).

triangulo
  • Videologias ensaios sobre televisão
    R$ 61,00

    Com pouco mais de 50 anos de existência, é onipresente. É impossível ignorá-la ou pensar o mundo hoje sem considerá-la. É a televisão. O segundo lançamento da coleção Estado de Sítio, coordenada pelo filósofo Paulo Arantes, trata desse que é um tema essencial para entender a sociedade contemporânea. Videologias, de Maria Rita Kehl e Eugênio Bucci, é, desde o trocadilho no título com a célebre obra Mitologias, de Roland Barthes, um livro que une visão crítica e psicanálise para dissecar as relações entre mitologias, ideologias e televisão.'Se, no século XIX, a questão era desmascarar o car&aacu ...

    Ano de publicação 2004.

  • Margem Esquerda 13 Dossiê: Hegemonia em tempos de crise
    R$ 35,00

    A transformação da crise dos mercados imobiliário e financeiro dos Estados Unidos em uma crise econômica global levou à desmoralização o discurso liberal em todo o mundo. Para avaliar seus impactos e alternativas, Margem Esquerda n.13 traz o dossiê “Hegemonia em tempos de crise”, composto por alguns dos mais importantes analistas desse fenômeno: o francês François Chesnais, o norte-americano Robert Brenner, o brasileiro José Luís Fiori e o inglês Peter Gowan. Chesnais, formulador da tese da financeirização do capitalismo, destaca a longevidade da recessão e as duras consequências para os trabalhadores. Mas lembra que a situação atual ap ...

    Ano de publicação 2009.

  • Por que gritamos golpe? para entender o impeachment e a crise política no Brasil
    R$ 20,00

    A Boitempo lança em julho de 2016 a coletânea Por que gritamos Golpe? - Para entender o impeachment e a crise política no Brasil, pela coleção Tinta Vermelha.Somando-se ao debate público sobre a crise política no Brasil, a obra proporciona ao leitor diversas análises sobre a dinâmica do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, dentro de uma perspectiva multidisciplinar e de esquerda. Os textos que compõem a coletânea são inéditos e buscam desenhar uma genealogia da crise política, entender as ameaças que se colocam à democracia e aos direitos conquistados pela Constituição de 1988 e apontar caminhos de superação de nossos impasses p ...

    Ano de publicação 2016.

  • Deslocamentos do feminino a mulher freudiana na passagem para a modernidade
    R$ 63,00

    A nova edição de Deslocamentos do feminino chega às livrarias em um momento pertinente, em que o debate sobre gênero toma corpo e a noção de feminilidade passa por transformações no campo da cultura. Neste livro, a psicanalista Maria Rita Kehl questiona as relações que se estabelecem entre a mulher, a posição feminina e a feminilidade na clínica psicanalítica. Existe uma diferença irredutível entre homens e mulheres, afinal? Partindo da defesa de uma 'mínima diferença', um modo de ser e de desejar através do qual homens e mulheres assumem papéis distintos na sociedade, a psicanalista e ganhadora do prêmio Jabuti pelo ensaio O tem ...

    Ano de publicação 2016.

  • Livro Indisponível Avise-me quando chegar

    Como avaliar as enormes transformações pelas quais o Brasil passou ao longo da última década? O país foi palco de profundas mudanças desde que elegeu o Partido dos Trabalhadores. Compreender e refletir o seu legado tornou-se uma tarefa incontornável para pensar os rumos do País. Coeditado pela Boitempo e pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais sede Brasil (Flacso Brasil), o e-book do livro estará disponível para download gratuito a partir da segunda quinzena de maio.10 anos de governos pós-neoliberais no Brasil, coletânea organizada pelo sociólogo Emir Sader, contribui para essa difícil empreitada, com reflexões de alguns dos mais destacados pensadores brasile ...

    Ano de publicação 2014.

  • O mito da grande classe média capitalismo e estrutura social
    Livro Indisponível Avise-me quando chegar

    A economia política da mobilidade social recentemente retomada no Brasil aponta para duas questões especiais. A primeira se relaciona à tensão aberta em torno da abissal diferença de qualidade de vida entre ricos e pobres.Desde a década de 2000, a inclusão social em massa interfere na base geral da prestação de serviços baratos pelos pobres aos ricos. Por dispor de enorme força de trabalho barata e expressiva para atender aos serviços familiares e pessoais, as elites brasileiras, que detêm uma qualidade de vida consagrada pelo consumo equivalente ao dos ricos nos países desenvolvidos, contam ainda com uma verdadeira rede de serviçais.O salto na geração de ocupa&cc ...

    Ano de publicação 2014.