• Minhas compras
  • Entrar

Contextos da justiça

Filosofia política para além de liberalismo e comunitarismo

Rainer Forst

R$ 79,00 Livro indisponível

Contextos da justiça
  • tradutor: Denílson Luis Werle
  • autor: Rainer Forst
edição:
1
selo:
Boitempo
idioma:
Portuguese
páginas:
382
formato:
23cm x 16cm x 2cm
peso:
500 gr
ano de publicação:
2010
encadernação:
Brochura
ISBN:
9788575591482

Nesta obra, o filósofo e teórico político alemão apresenta uma análise crítica da controvérsia entre liberalismo e comunitarismo, formulando uma contribuição original para clarificar conceitos fundamentais de uma certa teoria da justiça.Discípulo de Jürgen Habermas, Rainer Forst realiza ricas reflexões sobre o conceito de 'justiça'. Em geral simbolizado de modo imparcial, este conceito é revisto sob o pano de fundo das contextualizações históricas, buscando evidenciar o que há de específico naquilo que é considerado justo em cada época ou cultura. Nas palavras do próprio autor 'a diferenciação dos 'contextos da justiça' deve ajudar a esclarecer as condições normativas segundo as quais a estrutura básica de uma sociedade pode ser considerada justa'.Publicado pela primeira vez na Alemanha, em 1994, Contextos da justiça discorre sobre autores comunitaristas - como Michael J. Sandel, Alasdair MacIntyre, Charles Taylor e Michael Walzer - e liberais - como John Rawls, Ronald Dworkin e Joseph Raz. Surge daí uma abordagem original e sintética dessas duas perspectivas filosóficas, conduzida com destreza por Forst.Dividida em cinco capítulos, a obra se desenvolve sobre quatro categorias: a constituição do eu, a neutralidade do direito, o ethos da democracia e a concepção da teoria moral universalista. O quinto capítulo é dedicado à teoria de 'contextos da justiça' propriamente dita. Forst entende que, apenas a partir da consideração desses quatro conceitos, pode-se criar uma teoria do direito suficientemente ampla.Em meio a essas questões, o autor também discorre sobre termas candentes como a democracia discursiva e a crítica feminista do liberalismo, o multiculturalismo e a sociedade civil. Trata-se de uma obra provocativa, de grande interesse para filósofos, para estudiosos da teoria política, das questões do liberalismo e do comunitarismos e todos aqueles que se importam com os debates em torno da justiça social e política.