Product main image - 604bc8f9-4b7c-48cc-abcf-5b41678a551c
image_01df9410-af45-465d-ba22-553af3f5892f
Os irredutíveis
Autoria de Daniel Bensaïd
Explorando teoremas de resistência, desafia simplificações pós-modernas e oferece alternativas ao pensamento contemporâneo. O filósofo questiona a inevitabilidade da catástrofe, propondo uma análise ousada. Em linguagem aforismática, aborda política, luta de classes, imperialismo e comunismo.

R$ 39,00

R$ 39,00 no PIX

Quantidade:


Calcule o frete e prazo de entrega

Os irredutíveis: teoremas da resistência para o tempo presente, de Daniel Bensaïd, rebate as reduções simplistas da filosofia política pós-moderna, buscando alternativas para o pensamento. Filósofo e ativista político francês, um dos principais nomes dos movimentos de 1968, o autor rejeita a ideia que condena o mundo a uma catástrofe inexorável.

O que é ser irredutível nesse contexto? É não perder a noção de que a globalização imperial - que representa os interesses privados do capital - e a burocracia stalinista não são as únicas formas de organizar o pensamento e o mundo, em movimento acelerado.

Qual a alternativa? Num texto aforismático, herança do estilo de autores como Guy Debord, Bensaïd coloca uma sucessão de teoremas sobre grandes questões que deveriam ser submetidas criticamente à prova do presente. Os Títulos dos teoremas, provocações em si, são: "A política é irredutível à ética e à estética", "A luta de classes é irredutível às identidades comunitárias", "A dominação imperial não é solúvel nas beatitudes da globalização mercantil", "Quaisquer que sejam as palavras para expressá-lo, o comunismo é irredutível às suas falsificações burocráticas" e "A dialética da razão é irredutível ao espelho quebrado da pós-modernidade".

Trata-se uma obra que alimenta, de modo estruturado e coeso, "a força irredutível da indignação", como diz o sociólogo Michael Löwy, autor da orelha do livro. O volume faz parte da coleção Marxismo e Literatura, publicada pela Boitempo sob a coordenação de Leandro Konder. Os irredutíveis: teoremas da resistência para o tempo presente se torna referência, por suas inovações estilísticas e suas provocações teóricas, indispensável para o pensamento alternativo.
 

Autoria de

Autoria

Daniel Bensai¨d

Autoria de Daniel Bensaïd
Tradução de Wanda Nogueira Caldeira Brant
Texto de Michael Löwy
Número de páginas: 104
Dimensões: 23 x 16 x 1,0 cm
Peso: 146,7 g
ISBN: 9788575591079
Encadernação: brochura
Ano de publicação: 2008

SubTítulo 296212

teoremas da resistência para o tempo presente