Product main image - 697028cb-987c-44ed-9f65-31e99a899979
image_35d5dcb9-49ed-454c-8515-1f66f34b5469
Bovarismo brasileiro
Autoria de Maria Rita Kehl
Coletânea de ensaios da renomada psicanalista que analisa desde a literatura de Machado de Assis até estudos de casos contemporâneos. Utilizando o conceito de bovarismo, questiona a sociedade brasileira, oferecendo perspectivas críticas e clínicas sobre a formação da identidade cultural e política no país.
Disponível também em

R$ 58,00

R$ 58,00 no PIX

Quantidade:


Calcule o frete e prazo de entrega

Disponível também em
A coletânea Bovarismo brasileiro, da psicanalista Maria Rita Kehl, reúne alguns ensaios marcantes sobre temas que abarcam desde a literatura de Machado de Assis até um estudo de caso - o atendimento de um militante do MST -, passando por reflexões acerca das origens do samba, do manguebeat, do período de expansão da rede Globo e da primeira campanha de Lula.

Para dar liga às suas análises, a autora vale-se do conceito de bovarismo, cunhado pelo filósofo e psicólogo Jules de Gaultier com base na personagem Emma Bovary, de Gustave Flaubert, uma ambiciosa e sonhadora pequeno-burguesa de província que, à força de ter alimentado sua imaginação adolescente com literatura romanesca, ambicionou "tornar-se outra" em relação ao destino que lhe era predestinado. Kehl provoca: Seria o bovarismo um sintoma da sociedade brasileira?
 
Autoria de Maria Rita Kehl
Texto de quarta capa de Tales Ab’Sáber
Número de páginas: 192
Dimensões: 23 x 16 x 1,1 cm
Peso: 270,8 g
ISBN: 9788575595688
Encadernação: Brochura
Ano de publicação: 2018