Product main image - c3b84290-2d39-4c4c-b83f-f040b0de7167
image_227c3fb4-fe61-4794-b2a0-169faeaf0dad
Margem Esquerda 07
Autoria de Vários
Desde 2003 a Margem Esquerda, revista semestral da Boitempo, se dedica a enfrentar os principais desafios de nosso tempo histórico. Com rigor teórico e compromisso com a construção de um mundo justo e livre de opressões, cada edição apresenta dossiê temático, artigos, entrevistas com alguns dos principais teóricos do marxismo e ativistas políticos, além de poesias, resenhas e um ensaio visual.

R$ 47,00

R$ 47,00 no PIX

Quantidade:


Calcule o frete e prazo de entrega

A revista Margem Esquerda começa seu quarto ano de vida discutindo os dilemas da esquerda brasileira no último ano do governo Lula e diante de um novo ciclo eleitoral.

A questão é analisada sob vários ângulos e posições diferentes, desde aqueles que consideram que o PT se tornou mero gestor do neoliberalismo, como daqueles que defendem um resgate do projeto original do partido, considerando que a atual administração é um “espaço em disputa” e que o PT é ainda a melhor alternativa para acumular forças.

De Gilberto Maringoni, classificando a próxima disputa eleitoral como “rumo ao quinto governo Collor”, até uma defesa da vitalidade do partido, feita por Valter Pomar. Flávio Aguiar, Edmilson Costa e Ricardo Antunes completam o dossiê.

O debate sobre a crise de identidade da esquerda e suas eventuais rotas de superação segue no plano internacional, com uma análise de Emir Sader sobre as possibilidades abertas com Evo Morales na Bolívia, e de Marco Aurélio Santana sobre os protestos franceses contra as tentativas de precarização do emprego no país. José Luiz Fiori discute a desorientação da sinistra europeia em diversos países e as raízes desta crise, após uma sucessão de derrotas eleitorais e de divisões internas cada vez mais profundas.

Artigo de Afrânio Catani relembra o clima de terror dos anos 1970 por meio da memória de dois presos políticos: Luiz Roberto Salinas Fortes e Flávio Koutzii. Lincoln Secco trata de como a esquerda trabalha a questão da imagem da mulher.

O clássico desta edição é o ensaio "A teoria freudiana e o padrão da propaganda fascista", de Theodor Adorno, nunca antes traduzido para o português, com um texto explicativo de José Leon Crochík, que situa este trabalho dentro da obra do pensador da escola de Frankfurt e da sua relação com a teoria do pai da psicanálise.

Nos comentários, temos a colaboração de Jean-Claude Bernardet, com uma crônica sobre o filme de Agnès Varda, cuja retrospectiva está programada pelo Centro Cultural do Banco do Brasil, em São Paulo, para o segundo semestre de 2006.

O artista Luiz Arthur Piza ilustra a revista com suas gravuras inspiradas em fatos jornalísticos, como as torturas na prisão de Abu-Ghraib e a violência nas cidades brasileiras. Margem Esquerda 7 traz ainda resenhas de João Bernardo e Marcos Soares, a seção Notas de Leitura e também uma homenagem a Apolônio de Carvalho, em texto de Jacob Gorender, sobre sua participação na Guerra Civil Espanhola.
 
Número de páginas: 224
Dimensões: 23 x 16 x 1 cm
Peso: 315,9 g
ISBN: 9771678768407
Encadernação: Brochura
Ano de publicação: 2006